Você consideraria fazer uma doação para ajudar duas ONGs fantásticas?

Imagine metaforicamente usar a leveza de uma garça para enfrentar momentos de tristeza.  Ou usar o foco e força de uma pantera para sobrepor momentos de fraqueza.  Ou até mesmo a acurácia do olhar de uma águia para observar, como indivíduos, nossos processos estruturais internos que nos trazem agonia e sofrimento. Wahyoob, é um conceito da cultura Maya aplicado a situações ritualísticas no qual se há a necessidade  de uso de uma força arquetípica animal para se vivenciar o cotidiano.  É uma energia que busca trazer e criar bem estar, renovação e motivação para quem a procura.

Pode ser formiga, lobo guará, galo… o animal que for. O importante é a viagem que se faz para encontrar essa parte  do ego que ainda não foi descoberta.  Supressão do homem como elemento externo ao meio. Ele não é o dono da natureza, e sim faz parte dela. Conexão com o mistério que nos molda, com o demônio que nos move,  com o desapego necessário, com o destino que nos persegue.

 

Muito obrigado por compartilhar desse momento comigo.

 

Beijos a todos,

Beto

Quem é Beto Mejía?

Sou pai da Amora e da Nina. Marido da Dani. Filho da Dona Jussara e do seu Roberto. Tio da Mia e da Chloe. Irmão da Sarinha. Cada um da família num canto. Se saudade matasse, já estaria enterrado. Compositor, músico e feliz por natureza, mas que beleza. Continuo acreditando nas energias sutis da natureza, tanto que batuco em terreiro. Saravá. Condor. Lobo-guará e formiga. Já toquei com uma galera da pesada. Gente que admiro muito. Estudei piano e flauta na Escola de Música de Brasília. Já produzi discos e bandas. Já lancei alguns discos. Também produzi festival de Música e toquei por 18 anos numa família chamada Móveis Coloniais de Acaju. Sinto que ainda tento ser puro coração. Mas, aceitei a imperfeição. Pode ser metade puro coração, metade cevada e a outra metade lúpulo.

Produzido por Beto Mejía e Kelton Gomes.

 

Gravado nos estudios Gravaqui, Brasília / Family Mob -  São Paulo / Rootsans Studios, São Paulo /  Casa do Loows, São Paulo. Guitarras e baixos, exceto música 08 e 09: Kelton Gomes e Beto Mejia. Guitarras e baixo música 08 e 09: Fernando Jatobá,  Kelton Gomes. Baterias  todas as faixas exceto faixa 11: Anderson Nigro. Bateria faixa 11: Diego Marx. Violão faixa 5: Bc. Sax Barítono: Esdras Nogueira. Sax Tenor: Paulo Rogério. Trombone: Jefferson Carvalho. Trompete: Mathian da Silva. Congas e timbales: Thiago Delimacruz. Arranjo música 12: Ivan Chiarelli. Participação de Gustavo Bertoni na faixa 3, André Whoong na faixa 10, Victor Meira na faixa 12.

 

Mixado por Faixas 1, 4, 5, 7, 9, 10: Henrique Andrade. Faixas 3, 11, 12: Diego Marx. Faixa 2: Xande Burzstyn. Faixa 6: Gustavo Dreher. Faixa 8: Fernando Jatobá.

 

Masterizado por Xande Burzstyn

Fazer uma pequena doação é seguro e ajuda mais do que você imagina

Que tal ajudar iniciativas de 2 ONGs fantásticas? Contribua com o quanto quiser pelo download do disco. 70% do valor arrecadado será doado para essas 2 ONGs abaixo. O restante será usado para pagar os custos do disco. Mensalmente, colocaremos aqui nossa prestação de contas!

Sua doação será processada de forma segura via Paypal

O Desabafo Social transforma a realidade através de ações estruturadas e intencionais, sempre trabalhando com Educação e Comunicação em Direitos Humanos. Criado em 2011, o Desabafo Social está localizado em Salvador (BA), mas possui colaboradores jovens espalhados pelo Brasil, buscando formas de promover a cultura de direitos humanos, incentivar e estimular o empreendedorismo social e garantir novas práticas pedagógicas com base em indicadores e dados. Atualmente o Desabafo Social possui cinco projetos que contemplam as áreas de Educação, Comunicação e Empreendedorismo: #NaRoda, Escambo de Ideias, Redes Vivas, Rede Social Ubuntu e Inventividades.

 

Saiba mais em desabafosocial.com.br

O Santuário Terra dos Bichos é uma ONG que abriga 500 animais de 18 espécies diferentes retirados de maus tratos. Acolhemos 96 porcos, entre os resgates do acidente do Rodoanel - SP / Diadema. Com os filhotes que nasceram depois, tem nos gerado despesas enormes. Precisamos da sua ajuda para manter e cuidar cada vez de mais animais!

 

Saiba mais em santuarioterradosbichos.org/

Sua doação será processada de forma segura via Paypal

Agradecimentos especiais

 

Dani, Kelton, Nigro, Henrique, Xande, Diegão, Jatobá, Dreher, Esdras, Paulo, Pimpão, Mathian, Thiago, Bc, André, Borém, Renatão, Sarinha, pai, mãe, Calu, Caleu, Marinho, Wanda, Vitão, André Henrique Whoong, Rodrigão Sanches, Jean e Estevam do Family Mob, Gustavo Bertoni, Ivan Chiarelli e Loows, Daniel e Nathalia Corrêa e pessoal da BUM, Octavio Schenk.

 

<3 pra vcs. Obrigado por confiarem em mim e nesse trabalho.

Assessoria de imprensa

Leia e baixe o PRESS RELEASE

© 2016 Beto Mejia  |  Todos os direitos reservados.